BOINAS VERDES
Home
Destaques
Associações
Historial
Histórias e Curiosidades
 
INSIGNIAS
Pára-quedistas
Cráchas em Portugual
Cráchas em Angola
Cráchas em Moçambique
Cráchas em Guiné-Bissau
 
FOTOS
Enviadas
Diversas
Recentes
Antigas
Curso de Pára-quedismo
Saltos
Final de Curso

 

EQUIPAMENTO
Boina Verde
Galil
G3
MG-42 (MG3)
Armalite AR-10
HK 21
Missil Milan
Canhão Carl Gustaf
Stinger Fim 92
Pára-quedas Aerazur
Pára-quedas CTP A2  

 

GALERIA
Colecção
Metal
Tecido
 
VIDEOS
Toros
Calistenias
Torre Americana

 

 

Míssil Milan

MILAN é uma série portátil de mísseis anti carro, esta arma é fabricada por Euromissile, uma empresa sediada em Fontenay aux Rosas na França. Os equipamentos da Euromissile são montando por Aerospatiale, França e Daimler Chrysler Aeroespacial, Alemanha. O sistema tem sido construído sob licença através da empresa Dinâmicas - Bharat - Índia - Dinâmicas Matra BAe - Inglaterra e, Alenia - Itália .

Seu sistema foi desenvolvido para os exército francês e Alemão, 330 mil mísseis foram produzidos desde 1972, o Milan está em pleno serviço em 41 países, o Milan 3 tem uma ogiva e um novo sistema de disparo, com um aperto resistente e orientação, este míssil esta em produção desde 1996 com frequentes pedidos do exército francês e de mais outros dois exércitos.

 

Míssil A munição consiste de um míssil, colocado em tubo lançador (impermeável). O Milan 2 tem carga de ogiva contra armadura composta e espessa, os mísseis Milan 2T e Milan 3 são para uso diversos.

O sistema de propulsão do míssil Artus (dual) é fornecido pela empresa Societe Nationale des Poudres et Explosifs - França, seu primeiro estágio queima em 1.5 segundos ao ser lançado à uma distância de três metros, o segundo estágio abre provendo uma velocidade acima de 200 m/s, com limite máximo de dois quilómetros ou um pouco mais, tempo de voo de 12.5 segundos.

 

Disparo - A montagem, sistema e disparo e orientação é montado num tripé, seu sistema localizador mede o desvio angular entre o míssil e a linha do alvo. A transmissão de dados e orientação do míssil é obtida através de fios. O disparo pode ser equipado com uma mira opcional (vista termal) produzida pela Thomson csf Optonique. A mira tem uma detecção que varia entre quatro mil metros, um campo de visão de 6 x 3 graus. O suporte é montado rapidamente sem ferramentas ou modificação, nenhuma correcção entre vista termal e disparo é necessária.

 

Uma nova geração de disparos com vista termal tem sido desenvolvida para o Milan 3. Necessita de dois operadores, o atirador e assistente (que carrega os mísseis), o atirador coloca seus olhos na marca base, observa o alvo e pressiona o botão, efectuando o disparo.

O míssil é lançado do recipiente ao ar, podendo novamente ser recarregado. Após lançar o míssil as membranas abrem fornecendo um sistema estabilizador, o míssil segue para o alvo simplesmente por manter centrado sua posição, durante o voo o míssil fica meio metro acima da linha de observação para evitar obstáculos, a explosão da carga ocorre no momento do impacto, seu poder de fogo pode ser arredondado por três mísseis por minuto

 

Caracteristicas:

Calibre: 115mm
Peso: 6,7 Kg
Emprego: Anticarro
Alcance: 2000 m (aprox)
Tipo: Portátil
Origem: França

Mandamentos do Pára-quedista


I - O Pára-quedista é um soldado de elite. Procura o combate e treina-se para suportar toda a dureza. Para ele, a luta é a plena manifestação de si próprio.

II - O Pára-quedista cultiva a verdadeira camaradagem. Só com a ajuda dos seus Camaradas consegue vencer; e é junto deles, e por eles, que morre.

III - O Pára-quedista sabe o que diz e não fala demasiado. As mulheres falam, mas os homens actuam. A indiscrição causa, normalmente, a morte.

IV - O Pára-quedista é calmo,prudente, forte e resoluto. O seu valor e entusiasmo dão-lhe o espírito ofensivo que o arrastará no combate.

V - O Pára-quedista sabe que as munições constituem o que de mais precioso tem frente ao inimigo.Os que atiram inutilmente, só para se tranquilizarem, nada valem; são fracos e não merecem o nome de Pára-quedistas.

VI - Pára-quedista não se rende.Vencer ou morrer constitui, para ele,ponto de honra.

VII - O Pára-quedista sabe que só triunfará quando as suas armas estiverem em bom estado. Por isso,obedece ao lema: "Primeiro, cuidar das armas, só depois, dele próprio':

VIII -  O Pára-quedista conhece a missão e a finalidade de todas as suas operações. se o seu comandante for morto, poderá, ele sozinho, cumprir a sua missão.

IX - O Pára-quedista combate o inimigo com Lealdade nobreza. Mas não tem piedade dos que,não ousando lutar do mesmo modo,se dissimulam no anonimato.

X - O Pára-quedista tem os olhos bem abertos e sabe utilizar ao máximo todos os recursos. Ágil como uma gazela, duro como aço,quando necessário, embora não o sendo, é capaz de agir como pirata, pele vermelha ou terrorista. Nada há que lhe seja impossível.


Hino do Pára-quedista

Paraquedista

Que andas em terra,

A tua alma encerra

Saudades do ar

 

E na conquista

Beijam-te as moças

Só p`ra que nao ouças

teu peito a vibrar

 

A morte é franca

Já te foi apresentada

ela de ti nao quer nada

Tem amor aos arrojados

 

A asa Branca

Quando a trazes desdobrada

é como a saia rodada

da moça dos teus pecados.

 

E quando em guerra

Mergulhares, fendendo o espaço,

Hás-de dar um grande abraço

Aos anjos que andam no céu

 

E quando em terra

Enfrentares audaz o perigo,

Gritarás ao inimigo:

- Alto aí ! Aqui estou eu


 
    
 
    © 2003-2005